DICAS DE IMPRESSÃO: TIPOS DE TINTA E QUAIS SÃO AS MAIS INDICADAS PARA GRANDES FORMATOS

A escolha do tipo de tinta para utilizar em uma impressora de grandes formatos deve ser algo feito com cuidado, isso porque, apesar de parecer uma decisão fácil, a tinta errada pode lhe custar alguns clientes, além de gastos a mais.

Pensando em facilitar a sua escolha, trouxemos algumas dicas a respeito das características e quais são as tintas mais indicadas para as impressões em grandes formatos.

Confira abaixo!

TIPOS DE TINTA PARA IMPRESSÃO EM GRANDES FORMATOS

Bem, primeiramente, entenda que a falta de conhecimento em relação a forma e utilização dos tipos de tintas disponíveis no mercado pode fazer com que você tenha grandes dores de cabeça no futuro.

O primeiro passo é analisar o tipo de impressora, e os materiais adequados para ela, feito isso, avalie características como do produto como durabilidade, capacidade de adesão, extensão de cobertura e cores, e por último o custo.

Em relação a variedade, existem alguns tipos mais comuns encontrados no hoje no mercado, sendo as tintas solvente, eco solvente, tintas sublimáticas, tintas UV e tinta látex.

Contudo, para a impressão em grandes formatos as tintas mais indicadas são as solventes, eco solventes e as tintas UV, devido às suas características e impacto no produto final.

Veja a seguir as características de cada uma delas!

SOLVENTE

Esse tipo de tinta possui secagem muito mais rápida, e tem como características a consistência mais aquosa, isso possibilita a sua utilização em diversos materiais.

Possuindo uma excelente finalização quando aplicadas em madeira, papelão, plásticos, madeira e metal.

A secagem da tinta solvente acontece por meio de evaporação, esse processo é facilitado pela própria impressora, o que justifica a escolha de uma tinta própria.

Após a evaporação o pigmento se fixa ao material, e possui um bom desempenho em matérias flexíveis e maleáveis.

Como vantagens da sua aplicação podemos citar o custo mais baixo, em relação às demais, durabilidade, especialmente em ambiente expostos e a finalização, trazendo um trabalho final com acabamento em cores vibrantes.

ECO SOLVENTE

Uma vertente das tintas solventes, as eco solventes são tipos de tintas que tem uma composição a partir de solventes menos agressivos, por isso são comumente chamadas de solventes leves.

Essa tinta, diferente da primeira, tem uma desvantagem na sua adesão, isso porque a composição faz com que elas tenham uma aderência menor, o que interfere no processo de secagem e produção.

Para tintas eco solventes é preciso utilizar mídias específicas e processos de secagem com temperaturas maiores.

A vantagem maior desse produto é em relação a impressora, visto que o solvente da composição agride o maquinário de maneira mais lenta, ou seja, a sua impressora terá um destaque mais lento ao longo do tempo.

A impressão com tinta eco solvente é muito indicada para materiais como banners, vinis, papéis de parede, PDV e determinados tipos de tecidos revestidos.

TINTAS UV

O terceiro tipo de tinta para grandes formatos é a tinta com cura UV, e tem como maior diferencial a sua possibilidade de aplicação direta em materiais rígidos.

A secagem da tinta UV é por meio de cura, muito mais rápido do que as tintas por evaporação, com isso, se tornam um tipo de material ideal para produções que exigem rapidez em maiores quantidades.

A tinta UV é muito indicada para impressões em vidro, madeira, metal e plásticos, mas ao mesmo tempo, possui uma alta resistência em materiais flexíveis.

Além de dispensar o revestimento, é uma excelente opção para impressões em materiais que ficarão expostos e sujeitos a rachaduras e manchas.

CUIDADOS EM RELAÇÃO A QUALIDADE DA IMPRESSÃO

Bem, agora que você já sabe o tipo de tinta ideal para a sua gráfica de grandes formatos, é preciso considerar ainda alguns pontos relevantes que irão impactar no seu serviço.

No processo de impressão, independentemente do tipo de tinta, lembre-se de analisar muito bem a respeito da resolução e qualidade geral da imagem a ser imprimida.

A tinta por si só não faz milagre, então, cuide para não cair no erro de querer produzir mais e mais rápido, sem garantir um equilíbrio, especialmente entre a qualidade de impressão e a velocidade da impressora.

Verifique o tipo de impressão que o seu cliente precisa, a finalidade de uso daquele material, por exemplo, impressões para visualização a curta distância irão requerer uma qualidade superior do que impressões para longa distância.

As cores da impressão também serão afetadas pelo processo, e não apenas por isso, o tipo de impressora pode afetar a capacidade de impressão em cores, por isso o cuidado na escolha do material certo, impressora/tinta, para garantir uma finalização ideal, com cores vivas e dentro da paleta necessária para atender ao pedido do cliente.

Conheça o mercado e as tecnologias necessárias

Por fim, além de entender muito bem a respeito das tintas e suas composições, das formas e aplicações, indicamos a você estar muito ligado ao mercado em si, as tendências e as mudanças, tanto na sua região quanto no contexto geral.

Não limite a questão das tintas a pigmentos e secagem, entenda sobre os dispositivos necessários, e isso não se resume a impressora, mas a auxiliares, periféricos, softwares, sistemas de alimentação de substratos, e demais mecanismos que englobam o processo de impressão.

Tenha um bom aporte em relação a fornecedores e parceiros e esteja preparado para as mudanças tecnológicas constantes que afetam o mercado e a sua produção.

Bem, esperamos que estas dicas sejam úteis e possam te auxiliar no processo de implementação ou melhoria da sua empresa de impressão em grandes formatos. 

E se você gostou deste material, temos um convite especial para te fazer.

Clique AQUI e conheça AGORA nossa linha de tintas e produtos para impressão, ou entre em contato com nossos canais de atendimento!

×